Home ESPORTE Palmeiras monitora o atacante Wesley Moraes, emprestado pelo Aston Villa ao Club Brugge

Palmeiras monitora o atacante Wesley Moraes, emprestado pelo Aston Villa ao Club Brugge

por Correio do Maranhão
0 commentar

Atleta de 25 anos é avaliado pela diretoria do Verdão para o setor ofensivo

O Palmeiras tem em seu radar o atacante Wesley Moraes, que pertence ao Aston Villa, da Inglaterra, e está emprestado ao Club Brugge, da Bélgica.

O Verdão ainda não abriu negociação, mas Wesley vem sendo monitorado pelo departamento de análise e se encaixa no perfil procurado pelos palmeirenses no mercado.

Com passagens pelo futebol da Eslováquia e da Bélgica, o atacante de 25 anos foi a contratação mais cara da história do Aston Villa em 2019, quando os ingleses pagaram 25 milhões de euros ao Club Brugge.

Depois de um bom início na Inglaterra, com direito a ser convocado pelo técnico Tite para amistosos da seleção brasileira contra Argentina e Coréia do Sul, em outubro de 2019, ele virou desfalque por causa de uma lesão no joelho sofrida em janeiro de 2020.

Desde a sua recuperação, atuou apenas quatro vezes pelo Aston Villa, que optou pelo empréstimo ao Club Brugge para dar ao atacante a oportunidade de atuar mais minutos. Na atual temporada, porém, participou de apenas seis jogos.

O nome de Wesley é uma alternativa da diretoria palmeirense para a posição de centroavante. Valentín Castellanos desperta novamente interesse do Verdão, mas o argentino está valorizado pelo bom momento vivido no New York City FC, dos Estados Unidos.

Em abril, o Palmeiras teve acordo com o atacante, mas os norte-americanos decidiram pela permanência do atleta de 23 anos. Atualmente a negociação é avaliada como difícil de ser concretizada por questões financeiras.

O estafe de Wesley trabalha para ter a liberação do Brugge e assim avançar em propostas de clubes interessados. Pelo interesse de ver seu jogador retomar o ritmo ideal, o Aston Villa não se opõe a uma possível volta ao Brasil em 2022.

Para 2022, o Palmeiras pensa em atender aos pedidos de Abel Ferreira e contratar um centroavante. A provável saída de Luiz Adriano aumenta a necessidade da comissão técnica, que pede por reforços para o ataque desde o início da temporada. Willian, que também pode fazer a função, tem negociação com o Fluminense.

Por: Andre Hernan, Felipe Zito e Thiago Ferri

Related Articles

Deixe um Commentario