Home RURAL Inoculantes com Fixação Biológica de Nitrogênio diminui doenças na plantação de cana-de-açucar

Inoculantes com Fixação Biológica de Nitrogênio diminui doenças na plantação de cana-de-açucar

por Correio do Maranhão
0 commentar

O uso de inoculantes para Fixação Biológica de Nitrogênio (FBN) em cana-de-açúcar pode reduzir em até 16% a severidade das doenças foliares que acometem essa cultura. Essa prática conservacionista já é usada com sucesso nas lavouras de soja no Brasil, abrangendo área superior a 33 milhões de hectares e gerando uma economia anual de cerca de US$ 8 bilhões de dólares, mas foi a primeira vez que teve sua eficiência comprovada com a cana-de-açúcar. A pesquisa pode beneficiar o manejo integrado de doenças emergentes e abrir novos mercados para inoculantes no País.

Segundo a pesquisadora da Embrapa Meio Ambiente Katia Nechet, a pesquisa avaliou os efeitos de práticas conservacionistas no controle de duas doenças foliares emergentes, a mancha anelar e a podridão vermelha, capazes de diminuir a biomassa seca da cana-de-açúcar, o que prejudica a produção. Além da FBN, que mostrou maior eficiência na redução da severidade dessas enfermidades, foram testados também o cultivo mínimo, preparo convencional e o Sistema de Plantio Direto (SPD). “O bom desempenho com a cana agrega ainda mais valor à tecnologia FBN, desenvolvida pela Embrapa Agrobiologia”, destaca.

Ela explica que alguns mecanismos de controle podem estar envolvidos na interação entre os patógenos e as bactérias diazotróficas (capazes de fixar o nitrogênio do solo) utilizadas na FBN, tais como antagonismo, indução de resistência e competição. Essas reações têm sido relatadas durante a adaptação dos hospedeiros às bactérias em condições de estresse ambiental.

“O monitoramento da incidência e severidade das doenças pode ajudar a entender como as práticas conservacionistas em cana-de-açúcar podem alterar a importância dos patógenos foliares ao longo do tempo”, pontua Nechet. Outro ponto a ser considerado é o efeito dos fertilizantes no conteúdo de nitrogênio foliar e sua relação com a severidade de doenças.

Por: Nordeste Rural

Related Articles

Deixe um Commentario