Home RURAL Fertilizantes poderão ter preços altos até agosto

Fertilizantes poderão ter preços altos até agosto

por Correio do Maranhão
0 commentar

Os preços dos fertilizantes devem permanecer sustentados pelo menos até agosto, segundo o Rabobank. A partir de agosto, as cotações dos adubos tendem a ser pressionados por um recuo sazonal da demanda, preveem os analistas do banco em relatório mensal sobre commodities publicado nesta segunda-feira. No ano, as cotações dos adubos subiram entre 70% e 95% em dólar, considerando o fosfato monoamônico (Map), a ureia e o cloreto de potássio (KCl), conforme o Rabobank.

O relatório aponta que, nas últimas semanas, os preços dos fertilizantes voltaram a disparar tanto no mercado interno quanto no internacional. “As últimas altas têm sido motivadas por incertezas relacionadas à oferta, mas também continuam muito influenciadas pela manutenção dos preços das commodities em patamares elevados”, observam os analistas do banco. Entre os fatores que vêm influenciando nos preços, o Rabobank cita as incertezas políticas e comerciais envolvendo a Bielorrússia – um dos principais exportadores de Kcl -, as dúvidas de quanto a China irá fornecer de ureia à Índia e o reajuste no mercado de fosfatado após os Estados Unidos imporem barreiras tarifárias para empresas marroquinas e russas.

Na avaliação do banco, a alta volatilidade de preços observada neste ano deve limitar a formação de grandes estoques pelas empresas para a demanda de última hora. “Assim, para evitar problemas com abastecimento, é importante que o produtor não adie muito as compras e garanta o mínimo necessário para a safra quanto antes”, alertam os analistas.

Por: R7, Dia Rural

Related Articles

Deixe um Commentario